Cirurgia de Hérnia

Cirurgia de Hérnia em Niterói

Saiba tudo sobre a Herniorrafia

 

Informações práticas

Duração da cirurgia: 1 a 2 horas.

Tipo de anestesia mais comum: Peridural + sedação.

Tempo de internação: 24 a 48 horas.

Tempo de retorno ao trabalho: 7 a 14 dias.

Tempo de retorno às atividades físicas: 30 a 60 dias.

Retirada dos pontos: 10 a 14 dias após a cirurgia.

Revisão: consultas em 30, 60 e 180 dias.

 

Informações gerais

Introdução:

Herniorrafia é o termo que designa o tratamento cirúrgico dos diversos tipos de hérnias existentes (ex: inguinais, umbilicais, epigástricas, incisionais ou lombares).

Indicação:

A cirurgia de hérnia é recomendada principalmente para pacientes portadores de hérnias associadas à sintomas (Ex: dor, incômodo local, inchaço). Porém, mesmo pacientes assintomáticos podem necessitar de tratamento.

Consulta de avaliação:

A necessidade de tratamento e o tipo de cirurgia empregada são os principais itens avaliados na consulta com o cirurgião em pacientes com suspeita ou diagnóstico de hérnia.

Preparo pré-operatório:

Consiste na avaliação realizada após a indicação da cirurgia com objetivo de reduzir as chances de complicações pós operatórias. Ela depende principalmente da saúde do paciente e da cirurgia proposta, podendo ser necessária a realização de exames de sangue, exames de imagem ou a consulta de médicos de outras especialidades.

Cirurgia de Hérnia:

O procedimento para tratamento da hérnia depende do tipo específico, porém, na sua grande maioria, envolve o fechamento do orifício herniário e a colocação de uma tela para reforço da proteção.

Procedimentos associados:  

Alguns pacientes podem realizar no mesmo ato operatório outras cirurgias caso necessitem e apresentem condições clínicas (Ex: cirurgias plásticas, retirada de vesícula biliar, entre outras).

 

Informações pré-operatórias

  • Evitar atividades físicas extenuantes e ingestão de bebidas alcoólicas na véspera, dando preferência à alimentos mais leves.
  • Procurar o hospital previamente orientado na data e horário marcado.
  • Em caso de aparecimento de novos sintomas, problemas de saúde ou introdução de medicações comunicar à equipe médica.
  • O tempo de jejum pré-operatório, o uso das medicações habituais e demais orientações pré-operatórias serão sempre informadas em consulta antes da cirurgia.

 

Recomendações pós-operatórias

  • Na alta hospitalar o paciente recebe as orientações quanto ao curativo, uso de medicações e retorno no consultório.
  • Evitar esforço físico intenso durante 30 dias. Atividades habituais simples como caminhar são permitidas e inclusive estimuladas desde os primeiros dias de pós operatório.
  • A exposição da ferida operatória ao sol não é recomendada, devendo ser evitada.
  • A alimentação pós operatória pode ser feita normalmente, evitando somente a ingestão de alimentos ricos em gordura.
  • Em caso de dúvidas, sintomas inoportunos ou alterações no local da ferida operatória entrar em contato com o cirurgião ou procurar a emergência do hospital no qual foi operado.

 

Perguntas Frequentes

É frequente a ocorrência de complicações?

A herniorrafia é uma atualmente uma cirurgia segura e com uma taxa de complicações baixa.

Quais são as principais complicações relacionadas à cirurgia?

Embora não sejam frequentes, as complicações mais comuns são àquelas associadas ao local da própria incisão como hematomas (sangramento local), seromas (acúmulo de líquido composto por gordura e linfa), dor, edema e alterações na sensibilidade. A maioria apresenta uma evolução favorável após tratamento adequado.

Complicações graves podem ocorrer?

Durante o período pré-operatório, cirurgia e período pós operatório o paciente é avaliado e acompanhado rigorosamente para evitar a ocorrência de complicações, principalmente as mais graves. Desta forma o acontecimento delas é raro, mas como em todo procedimento é possível.

Em caso de suspeita ou diagnóstico de complicação o que deve ser feito?

Durante o período de internação o paciente é acompanhado diariamente pela equipe de cirurgia e no ato da alta hospitalar ele é informado quanto à evolução pós operatória esperada bem como quanto à data de retorno para revisão. Caso exista algum sintoma ou alteração não esperada, o mesmo deve informar à equipe ou retornar ao hospital.

A hérnia pode voltar?

Sim, a ocorrência de recidiva da hérnia não é frequente, mas pode acontecer, principalmente em pacientes com fatores de risco como obesidade, diabetes, uso de corticoides, infecção da ferida e quando os cuidados pós-operatórios não são respeitados.

É comum sentir dor no pós-operatório?

Após a cirurgia é prescrito o uso de medicações analgésicas para evitar a dor. É comum um desconforto no local, mas a ocorrência de dor não.

Como ficam as cicatrizes da cirurgia?

O tamanho e formato das incisões cirúrgicas dependem da tipo, tamanho e localização da hérnia. Normalmente elas são se encontram sobre às mesmas e são feitas de modo à se tornarem o menos perceptível possível.

É necessário o uso de drenos?

Em pacientes portadores de hérnias volumosas o dreno pode ser usado no pós operatório para evitar a formação de seromas. Ele é retirado após diminuição da quantidade de líquido drenado, o que acontece nos primeiros dias de cirurgias. A presença do dreno não impede o paciente de receber alta hospitalar. Neste caso, o mesmo é orientado quanto ao funcionamento e sua retirada será realizada no retorno ao consultório.

É necessário o uso de cinta?

A cinta pode ser útil em alguns casos como hérnias incisionais. Quando for preciso será recomendado pela equipe no pré-operatório para que o paciente adquira.

Quando posso retornar ao trabalho?

A maioria dos pacientes se sente apto à retornar ao trabalho após 7 a 14 dias de pós operatório. Quando existe esforço físico envolvido, orienta-se um período de recuperação maior, entre 30 a 60 dias.

Quando posso subir uma escada, sair de casa e voltar a dirigir?

Nos primeiros dias de pós operatório se recomenda um repouso relativo, mas o paciente pode andar e subir poucos lances de escada com ajuda. Por volta do 3º ou 4º dia após a cirurgia, caso o paciente se sinta bem e disposto, ele pode sair de casa com a presença de acompanhante. O retorno à direção veicular deve aguardar um período de duas semanas.

Quando posso praticar atividade físicas?

O retorno às atividades físicas não é recomendado antes de 30 a 60 dias devido ao risco de dor e recidiva da hérnia.

 

Se interessou?



CLÍNICA CENTRO

Cel.: +55 21 99688-0468

Tel.: 1: +55 21 2621-1576


CLÍNICA ICARAÍ

Tel.: +55 21 3786-1610

Cel.: +55 21 97930-8191


E-mail:
contato@cirurgianiteroi.com.br

MARQUE A SUA CONSULTA Deixe a sua mensagem ou mande um e-mail para contato@cirurgianiteroi.com.br e marque a sua consulta.

Veja o mapa completo

CLÍNICA DE CIRURGIA NITERÓI

Estamos localizados centro de Niterói.

Endereço 
Av. Ernâni do Amaral Peixoto, 55 – Sl 307
Centro, Niterói – RJ
Tel: +55 21 2621-1576 | 2621-8732
Cel: +55 21 99688-0468


E-Mail 
contato@cirurgianiteroi.com.br

www.cirurgianiteroi.com.br

 

× Como posso te ajudar?